Terça

Hoje acordamos um pouco mais cedo, pois, ao que parece, o dia estava prometendo.

Não tomamos café na casa do Claudio e da Andréia, pois tínhamos que levar a Vitória  e a Ana Clara na escola. Fomos todos juntos bem apertadinhos no carro.

Quando chegamos no Projeto, a idéia inicial era tomar café, mas os afazeres nos chamavam, então manos a obra!

Cantamos e dançamos com as crianças, e claro que ao final da cantoria estávamos sem fôlego, afinal a altitude nestas circunstâncias não perdoa.

Depois do fôlego recobrado a Ana Claudia ficou com a Andreia e a Tânia no Projeto, enquanto eu o Eduardo fomos com o Claudio comprar o material para construir a plataforma onde será colocada a casa que compramos ontem.

Descobrimos que carregar sacos de cimento com 42 Kg na altitude de 2500 metros também é uma tarefa de tirar o fôlego. Compramos 4 sacos de cimento, cada um carregou um saco, porém, no último todos ficaram ensaiando para pegar o derradeiro, que no fim, sobrou para mim mesmo.

Depois dos sacos descarregados começamos a ajudar os pedreiros a encher a plataforma com cascalhos e pedras. Mais uma vez nosso fôlego foi testado.

Quando terminamos de ajudar os pedreiros com esta tarefa, fomos almoçar, pois ninguém é de ferro.

Chegamos em um restaurante tipicamente peruano (claro, estamos no Peru né?!), inclusive a música de fundo, que tanto nos agradou que dormimos na mesa esperando nosso chicharón ficar pronto.

Chegamos de novo no Projeto, e, para nossa surpresa, a porta de acesso ao interior da casa estava trancada! E o pior, as mulheres tinham levado todas as chaves. Logo, ficamos para fora sem talheres, pratos ou copos. Acabou que comemos nosso delicioso chicharón feito 3 ogros, 3 bárbaros. Enquanto isso as mulheres estavam na casa do Claudio e da Andreia comemdo um belo arroz com feijão.

Pegávamos a carne, a salada e as batatas com as mãos, sentados na escada rindo da nossa própria desgraça, e sem poder tirar qualquer foto, pois minha blusa, com a carteira e a máquina fotográfica haviam ficado trancado lá dentro da casa.

Depois da sessão neardenthal, o Eduardo e o Claudio foram ao banco trocar o dinheiro para pagar os pedreiros, e eu fiquei na casa para acompanhar o trabalho dos pedreiros.

Conforme o sol ia se pondo nosso frio aumentava, já que as blusas estavam trancadas dentro da casa. Uma hora e meia depois, nosso amigos pedreiros haviam finalizado toda a plataforma para la casita de los niños.

Chegamos todos acabamos e moídos, e para a surpresa de todos os homens, as mulheres estavam prontas para sairem para a noite Arequipeña.

Demos uma volta no centro de Arequipa, que a propósito é muito bonito, e voltamos, pois as pernas não estavam mais respondendo aos comandos cerebrais.

Bom, por hoje é só. O dia foi realmente cansativo, mas valeu a pena com certeza!

Amanhã o dia será tão cheio quanto hoje, pois planejamos comprar o fogão, buscar a casita de los ninõs e outras coisas mais, que com certeza estarão relatadas aqui, não perca!

Anúncios
Categorias:Arequipa 2010, Terça
  1. Luciana Zibordi
    14/07/2010 às 10:45 PM

    Oii Alê e Ana! Estou acompanhando tudo aqui!!! Q Deus continue abençoando ricamente a vida de vcs!!!
    bjss
    Lu

  2. Debora Kawakami
    14/07/2010 às 9:26 PM

    Olá, Ana, Alê e Xú!!
    Graça e Paz!!
    Nossa acabei de ler todas as noticias e fiquei muito feliz de ver/ler o que Deus tem feito atraves da vida de vocês. Sinto como se estivesse ai acompanhando tudo de pertinho. Adorei a ideia do diário!!
    Continuamos aqui sustentando vocês em oração, e pedindo a Deus que os abençoe.
    Um grande abraço a todos.

    Debora Kawakami

  3. Rinaldo Garanito Prado
    14/07/2010 às 3:26 PM

    Ola, “hermanos misioneros”!
    Continuamos a orar por vocês na expectativa de que as experiências vividas aí sejam instrumentos do SENHOR para aperfeiçoar suas vidas e oportunidades especiais de servirem-NO servindo a outros.
    Deus os abençoe, bem como a todos os que participam dessa empreitada santa!

    Abraços,

    Rinaldo e Família

  4. Silvana e Uriel
    14/07/2010 às 1:33 PM

    Queridos, estamos vibrando com as notícias daí. Cremos que Deus ainda lhes proporcionará abençoadas emoções.
    Estamos com vcs em orações.
    Bjs a todos

  5. Michele - IB Sinai
    14/07/2010 às 12:17 PM

    A Paz do Senhor amados.

    Como é maravilhoso ver Deus agindo através da vida de vocês.
    Quantas coisas já foram realizadas em tão poucos dias.
    Louvado seja Deus!!

    Que o Senhor continue abençoando e usando as suas vidas!

    Estamos com vocês em oração.

    Abraços

  6. Marcelo Santos
    14/07/2010 às 10:37 AM

    Bom dia!!

    Que bom ver Deus agindo. Não vejo a a hora de eu chegar aí. Bjs a todos

  7. 14/07/2010 às 9:09 AM

    Milhooooooooooooooooooooooooo!!!!!! Menino!!! que aventura!!!! não consigo te imaginar com uma pá de pedreiro na mão, fazendo casita de niño!!!!! Que trabalho lindo, que aventura linda, que vida linda desse casal e dessa missionária! Que Deus continue dando graça e paz a vocês aí em Arequipa e que Ele seja o centro de tudo o que vocês estão fazendo aí. Peguem leve nesses primeiros dias… a altitude é cruel. Dou Glórias a Deus pela vida de vocês e peço, continuamente, que Ele os guarde e dê forças a vocês e aos pequenos, que aqui ficaram. Que Deus os abençoe. Beijos

  1. No trackbacks yet.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: